Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Assembleia / Notícias / Deputado Dr. Neidson se reúne com adjunto da Defesa Civil

Deputado Dr. Neidson se reúne com adjunto da Defesa Civil

por Igor Cruz publicado 03/02/2015 17h55, última modificação 02/03/2015 09h25
Durante o encontro que aconteceu no gabinete do deputado nesta terça-feira (3), o parlamentar falou de sua preocupação quanto à remoção e amparo às famílias...

 

Preocupado com a possibilidade de uma nova enchente em Guajará-Mirim, seu município de origem, o deputado estadual Dr. Neidson (PTdoB) solicitou reunião com o secretário adjunto de Programas Especiais da Defesa Civil, coronel José Pimentel. O objetivo foi para se informar das ações de prevenção que estão sendo projetadas para atender as centenas de famílias e comerciantes que ainda se recuperam da histórica cheia do Rio Mamoré no final de 2013.

Durante o encontro que aconteceu no gabinete do deputado nesta terça-feira (3), o parlamentar falou de sua preocupação quanto à remoção e amparo às famílias das áreas que serão possivelmente afetadas. Expôs a situação precária na área da saúde no município para atender a população neste período crítico e debateu com o adjunto da Defesa Civil, medidas preventivas para poupar a população de passar pelo mesmo drama passado, que deixou o município isolado e desabrigou mais de 850 famílias na cidade.

Segundo o cel. Pimentel, uma equipe da Defesa Civil já está sendo enviada para Guajará-Mirim para que o comportamento do nível de água do Rio Mamoré seja monitorado.

“Nossa equipe deverá permanecer em Guajará e região durante um período para que possamos saber como proceder nas ações preventivas. Contamos também com a supervisão e repasse de informações da Agência Nacional de Águas (ANA) e com o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), órgão que tem por objetivo desenvolver, testar e implementar um sistema de previsão de ocorrência de desastres naturais em áreas suscetíveis de todo o Brasil”, destacou Pimentel.

Dr. Neidson lembrou dos moradores das áreas ribeirinhas que na última cheia perderam moradia, produção agrícola e criação de animais. “É lamentável que muitas famílias que ainda nem ser reergueram da destruição deixada pela última enchente já estão correndo o risco de viver o drama de uma nova cheia do Rio Mamoré. Estamos fazendo o possível para evitar que isso se repita. Todas as medidas que podem ser tomadas para amenizar os riscos estão sendo providenciadas junto as autoridades competentes”, assegurou o deputado.

 

registrado em: ,
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Os comentários são moderados