Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Assembleia / Notícias / Ezequiel Júnior quer coibir discriminação a convênios de saúde

Ezequiel Júnior quer coibir discriminação a convênios de saúde

por Igor_Cruz — publicado 13/05/2016 22h32, última modificação 13/05/2016 22h32
Parlamentar disse que pacientes particulares têm prioridade em agendamento de consultas...

 

O deputado Ezequiel Júnior (PSDC) é autor do projeto de lei que dispõe sobre a proibição, na definição de prazo de marcação de consultas, exames e demais procedimentos, de discriminação ou diferenciação entre o paciente coberto por plano ou seguro privado de assistência à saúde e o paciente custeado por recursos próprios e dá outras providências.

A propositura, segundo o parlamentar, tem a finalidade de coibir a prática discriminatória dos prestadores de serviços de assistência médica, hospitalar e odontológica contra os usuários de planos e seguros privados de saúde.

Segundo Ezequiel, é de conhecimento geral a prática abusiva de priorizar o atendimento dos pacientes que pagam pelo atendimento com recursos próprios a despeito daqueles, que são usuários de planos e seguros privados de assistência à saúde.

“Tanto é verdade que durante o agendamento da consulta é comum perguntarem se é por convênio ou particular. Se for particular existe a vaga para o mesmo dia, porém, se tratar de convênio, só dali a dois meses”, salientou Ezequiel Júnior.

O deputado concluiu afirmando que restringir o número de vagas para pacientes usuários de plano e seguros privados de saúde, privilegiando pacientes particulares, é considerado prática discriminatória.

 

ALE/RO - DECOM - [ Juliana Martins ]

Foto: Ana Célia

registrado em:
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples.