Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Assembleia / Notícias / Jair Montes indica implantação de residência regional do DER em Nova Mamoré

Jair Montes indica implantação de residência regional do DER em Nova Mamoré

por Ronaldo Afonso do Amaral publicado 07/03/2019 16h17, última modificação 07/03/2019 16h17
Departamento atenderá uma malha de mais de 2 mil quilômetros de estradas vicinais na área rural


O deputado Jair Montes (PTC) indicou ao Executivo que interceda junto a Superintendência Estadual de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura do Estado de Rondônia (SEDI), a implantação de uma residência regional do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem, Infraestrutura e Serviços Públicos (DER-RO), no município de Nova Mamoré. 

Em sua justificativa, o parlamentar aponta que a implantação de uma residência regional do DER em Nova Mamoré, atenderá uma malha de 2.200 quilômetros de estradas vicinais na área rural no município sede da residência, somando as linhas rurais de Guajará-Mirim e do Distrito da Penha, realizando serviços de limpeza de vias públicas, patrolamento, cascalhamento, pavimentação, drenagem como forma de garantir um tráfego urbano com segurança e com todas as condições de acessibilidade aos bairros. 

“Os municípios não conseguem executar a recuperação e a manutenção das estradas nas ‘linhas’. Desta forma, acreditamos que o Governo Estadual por meio do DER-RO, assumindo a execução desses serviços na região de fronteira, que conta com agricultura, pecuária de corte e de leite, entre outros, estará garantindo o escoamento da produção de forma eficaz, a fixação do homem no campo, o aumento na lucratividade e ainda a geração de empregos”, diz Jair.

 

Construção de calçadas 

O parlamentar indicou ao Executivo que interceda junto à Secretaria de Educação do Estado de Rondônia (SEDUC), a construção de calçadas externas com passei público, no entorno das Escolas Estaduais de Ensino Fundamental e Médio Casimiro de Abreu e Salomão Silva, ambas localizadas no município de Nova Mamoré. 

Em sua justificativa, Jair aponta que a iniciativa visa acabar com o acumulo de lixo, poças de lama, mato ao redor da unidade de ensino, recipientes que podem armazenar água parada, colocando em risco a saúde dos alunos, professores, servidores e da população que reside próximo a escola.

Texto: Laila Moraes - DECOM/ALE

Foto: Marcos Figueira

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples.