Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Assembleia / Notícias / Laerte Gomes ressalta caos na cadeia produtiva do peixe

Laerte Gomes ressalta caos na cadeia produtiva do peixe

por Igor_Cruz — publicado 11/05/2016 13h11, última modificação 11/05/2016 13h11
Laerte frisou a celeridade da casa para com o projeto de contratações de operadores de máquinas para suprir necessidade do DER...

 

Na manhã desta quarta-feira (11), o deputado Laerte Gomes (PSDB) usou de seu pronunciamento na Assembleia Legislativa, durante Sessão Ordinária para denunciar a carência de ações para piscicultores de Rondônia, bem como salientou o projeto aprovado para contratações do DER.

Laerte frisou a celeridade da casa para com o projeto de contratações de operadores de máquinas para suprir necessidade do DER. A casa havia aprovado projeto para contratação como comissionados, mas o Ministério Público recomendou que a contratação se de pôr processo seletivo. Desta forma, o governo teve de enviar nova matéria para votação de forma emergencial o causou desconforto e acirrados debates na sessão desta terça-feira (10).

“Lamentamos, pois estas providências deveriam ter sido tomadas com antecedência, agora vai se perder tempo e obras ficarão paradas pela falta de mão de obra. Saliento que o deputado Jesuíno estava correto em pedir vistas e esperar esclarecimentos do governo”.

Laerte Gomes disse que esteve em Urupá, na linha 12, onde há vários produtores de peixes, inclusive organizados em associação de piscicultores. Mas que, no entanto, está faltando a comercialização do pescado, bem como os insumos para manutenção como ração, aumentou muito o custo de produção.

“Não adianta o governo incentivar o produtor a investir em uma nova fonte de renda e depois ser abandonado, sem perspectiva de melhora por não ter como comercializar o produto.”

Laerte finalizou sua fala pedindo à Mesa Diretora para que transfira a sessão ordinária da quarta-feira ao invés de ocorrer na parte da manhã para que seja transferida para o período da tarde, com a finalidade de permitir que os parlamentares possam atuar nas secretarias tendo em vista que as mesmas só funcionam até as 13h.

 

ALE/RO - DECOM - [Geovani Berno]

Foto: José Hilde

registrado em:
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples.