“O governo está cometendo um grave erro”, diz Laerte Gomes sobre extinção do Deosp

por Igor_Cruz — publicado 02/07/2015 18h43, última modificação 02/07/2015 18h43
“Não creio que o DER tenha condições de assumir as obras geridas hoje pelo Deosp"...

 

Vencido pela base governista em emenda ao projeto de reforma administrava, aprovado nesta quinta-feira (2), o deputado Laerte Gomes (PEN) lamentou a extinção do Departamento de Obras e Serviços Públicos – Deosp.

“Não creio que o DER tenha condições de assumir as obras geridas hoje pelo Deosp. Acho que o governo está cometendo um grave erro”, disse o parlamentar.

O deputado explicou que tentou dissuadir a ideia junto ao Executivo, mas em reunião com os secretários de Planejamento, George Braga, e Finanças, Wagner Freitas, conseguiu somente o compromisso do governo em reavaliar a unificação dos serviços em um único órgão no prazo de um ano.

O Departamento de Estradas de Rodagem mal dá conta da nossa malha viária, que é grande. “Tenho minhas dúvidas se fará com competência as demais obras da construção civil, setor que mais gera emprego em Rondônia. Por isso, deixo registrado aqui meu descontentamento com a aprovação desse projeto”, disse Laerte na tribuna da Assembleia Legislativa.

O posicionamento de Laerte Gomes teve o apoio dos deputados Lazinho da Fetagro (PT), Adelino Follador (DEM) e do presidente da casa Maurão de Carvalho (PP).

 

ALE/RO - DECOM - [Assessoria Parlamentar]

Foto: José Hilde

registrado em:
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples.