Adailton Furia denuncia falta de abastecimento de água em Cacoal

por Ana Carolina Custódio publicado 08/09/2020 18h10, última modificação 09/09/2020 09h42
Segundo parlamentar, existem suspeitas de tentativa de sucateamento da SAAE

Em sua fala na sessão parlamentar de terça-feira (08), o deputado Adailton Furia (PSD) denunciou que os cidadãos de Cacoal estão sofrendo com a falta de abastecimento de água em suas residências.  Ele destacou que o abastecimento é feito pelo Serviço Autônomo de Água e Esgotos (SAAE), gerido próprio município de Cacoal e a suspeita é que a empresa estaria sendo alvo de sucateamento para justificar uma possível privatização.

O deputado questionou qual seria a justificativa da SAAE para a falta de abastecimento, considerando que o nível do Rio Machado não está baixo o suficiente para atrapalhar a distribuição de água. Segundo o deputado, a empresa não passa por problemas financeiros, já que a arrecadação do município vem aumentando consideravelmente desde 2015 e houve reajuste na tarifa recentemente.

Furia destacou que o município de Cacoal vem passando por um processo de forte expansão nos últimos anos e não houve investimento na SAAE para acompanhar o crescimento da demanda da população.

O parlamentar repudiou a possível tentativa de sucateamento da empresa. Ele citou o exemplo da Ceron, que passou por processo semelhante até ser vendida para a Energisa e atualmente não oferece um serviço de qualidade à população do estado. “Se houver realmente esse interesse, nós como cacoalenses, iremos levantar a nossa voz contra esse tipo de manobra”, afirmou o deputado, “se estão querendo privatizar, nós temos que unir as nossas forças e não deixar isso acontecer”.

Texto: Ana Carolina Custódio-ALE/RO

Foto: Marcos Figueira-ALE/RO