Comissão de Indústria e Comércio discute cancelamento de voos em Brasília

por Igor_Cruz — publicado 15/03/2016 16h18, última modificação 15/03/2016 16h18
Para os parlamentares, a redução de oferta acarretará no aumento dos valores das tarifas...


Os membros da Comissão de Indústria e Comércio discutiram na manhã desta terça-feira (15), no Plenarinho da Assembleia Legislativa, a reunião que acontecerá em Brasília, no próximo dia 6 de abril, com a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), para tratar dos cancelamentos de voos em Rondônia.

O deputado Léo Moraes (PTB) disse que o governador Confúcio Moura (PMDB) estará no encontro que vai debater as motivações que levaram as empresas aéreas a cancelarem cerca de três mil acentos semanais no aeroporto de Porto Velho.

A redução da oferta, segundo Léo Moraes, acarretará o aumento nos preços da tarifa, o que de acordo com dados levantados, Rondônia já está entre os estados com o preço de passagem aérea mais cara do país.

O deputado explicou que não existem embasamentos e amparo legal que justifiquem o reajuste das tarifas, uma vez que o Estado oferece os mesmos incentivos, benefícios e isenções que as demais regiões com tarifas mais acessíveis.

O deputado Airton Gurgacz (PDT) disse que os preços das passagens de avião deveriam seguir uma tarifa única em todo o Brasil e que espera bons resultados da reunião entre o Governo e a ANAC.

O presidente da comissão, Aélcio da TV (PP) disse acreditar que o deputado Léo Moraes irá representar com competência todos os demais membros e que a ANAC apresente relatórios que comprovem a não rentabilidade de se manter os voos em Rondônia.

“Infelizmente não é um problema que está acontecendo só em nosso Estado, mas em toda Região Amazônica”, disse Aélcio da TV.

Também participaram da reunião os deputados Dr. Neidson (PMN) e Jesuíno Boabaid (PTdoB).

 

ALE/RO - DECOM - [Juliana Martins]

Foto: José Hilde