Comissão de Transporte critica gestão do DER em Pimenta Bueno

por Igor_Cruz — publicado 04/05/2016 18h07, última modificação 04/05/2016 18h07
Deputado Só na Bença afirma que compromisso não foi cumprido por Residência...

 

O presidente da Comissão de Transporte e Obras Públicas da Assembleia Legislativa, Só na Bença (PMDB), na reunião desta quarta-feira (4), no Plenarinho da Assembleia Legislativa, criticou a gerência da Residência do DER de Pimenta Bueno. Segundo o parlamentar, o órgão não teria atendido compromisso firmado há cerca de 60 dias.

De acordo com o deputado, o compromisso teria sido feito após ele ter visitado a Estrada Velha do Calcário, em Pimenta Bueno, há aproximadamente dois meses, juntamente com o diretor operacional do DER, Marcelo Bugel, e o responsável pela 11ª Residência Regional do DER em Pimenta, Thiago Antônio Mathias.

O parlamentar disse ter constatado a precariedade da via que estava tomada por atoleiros. Segundo Só na Bença, em atendimento aos anseios da população, ele solicitou a Marcelo Bugel a disponibilização de maquinários para a execução dos serviços necessários visando melhorias do estado crítico da estrada.

O deputado afirmou que o diretor autorizou a Residência Regional de Pimenta a executar o serviço e disponibilizou a utilização de uma retroescavadeira e de um caminhão caçamba para o atendimento da solicitação do parlamentar.

No entanto, Só na Bença ressaltou seu desapontamento com o não cumprimento do acordo feito com o departamento que, segundo ele, desrespeita seu trabalho enquanto presidente da Comissão de Transporte e Obras Públicas. Para o deputado, o momento não é de fazer política e sim de atender às necessidades das comunidades que sofrem com a precariedade das estradas do Estado.

Só na Bença disse que até o momento nada teria sido feito e com as chuvas a situação na Estrada Velha do Calcário se tornou ainda pior. O deputado frisou que, como parlamentar, sua obrigação é cobrar do Poder Executivo a tomada de providências urgentes para interferir nas gestões de regionais órgãos estaduais no interior.

O deputado Airton Gurgacz (PDT) disse entender a frustração do parlamentar e afirmou que ocorre o mesmo em sua base, Ji-Paraná. Segundo Gurgacz, as obras do anel viário do município já viraram promessas de políticos há cerca de 20 anos.

Airton Gurgacz disse que o mais difícil já teria sido feito, a aquisição do maquinário, porém sem contratação de mão de obra o projeto até hoje não saiu do papel, fato que na opinião do parlamentar representa uma má gestão dos órgãos responsáveis.

“O governador precisa colocar as pessoas certas no seu mandato, caso contrário os trabalhos não andam e nós parlamentares acabamos prejudicados em não dar uma resposta aos anseios daqueles que acreditaram na nossa palavra”, concluiu Só na Bença.

 

ALE/RO - DECOM - [Juliana Martins]

Foto: José Hilde