Presidente da Assembleia Legislativa articula locação de hospital para atender pacientes do Coronavírus na região central de Rondônia

por Laila Luana Costa Moraes publicado 19/05/2020 12h31, última modificação 19/05/2020 12h31
Presidente da Assembleia Legislativa articula locação de hospital para atender pacientes do Coronavírus na região central de Rondônia

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Laerte Gomes, anunciou nesta terça-feira a proposta de locação de 40 leitos normais e 10 leitos de UTI com respiradores na cidade de Ji-Paraná, tornando a cidade um dos polos de combate à Covid-19. A negociação está em andamento com o Hospital Cândido Rondon (HCR) e deverá atender mais de 18 municípios da região central do Estado. No mesmo padrão do contrato em discussão com o Hospital do Amor, o HCR disporá de médicos, enfermeiros, técnicos, laboratórios, insumos, limpeza, entre outros serviços para prestar atendimento de qualidade aos pacientes do novo Coronavírus.

A preocupação do deputado Laerte Gomes é com alastramento da pandemia para o interior, a exemplo do que está acontecendo em outros estados. O Governo tentou equipar com novos leitos o Hospital Municipal, mas os dirigentes locais anunciaram que não será possível por causa da falta de infraestrutura. “O Estado precisa ser mais agressivo, regionalizar as ações, e não centralizar em Porto Velho e Cacoal”, enfatizou o parlamentar. O presidente da Casa de Leis também alertou para a realização de testes em massa na sociedade para retomar a economia. “Os testes são poucos, entendo que precisamos aumentar e acelerar a testagem porque precisamos pensar na economia, manter o comércio aberto, manter o CNPJ vivo”, acrescentou.

Intervenção em Guajará-Mirim

Laerte Gomes também confirmou o pedido de intervenção na Saúde de Guajará-Mirim. O município tem 34 casos confirmados e 17 óbitos, um dos maiores índices de letalidade do Brasil. A iniciativa é dele do colega deputado Dr. Neidson. “O Governo precisa intervir porque a prefeitura não tem preparo para tratar dessa crise na Saúde”, afirmou.
As declarações do presidente da Assembleia Legislativa foram feitas durante entrevista ao programa Microfone Aberto da Massa FM e transmitidas para Ji-Paraná, Cacoal, Jaru, Rolim de Moura, Pimenta Bueno, Colorado do Oeste e Vilhena.

Além dos pontos acima, o parlamentar também falou da compra de 30 mil cestas básicas, aluguel de 12 ambulâncias com UTI e a locação de 61 leitos do Hospital do Amor para atender aos pacientes da Covid-19. Os processos estão em fase de licitação na Assembleia Legislativa.

Texto: Decom-ALE/RO

Foto: Marcos Figueira-ALE/RO