Redano pede incentivos fiscais à cultura e ao esporte

por Igor_Cruz — publicado 18/09/2015 11h49, última modificação 18/09/2015 11h49
Parlamentar explica que a diversidade cultural em Rondônia é muito grande

 

O deputado Alex Redano (SD) apresentou indicação dirigida ao Poder Executivo, junto à Secretaria de Juventude, Esporte de Lazer (Sejucel), mostrando a necessidade de elaborar projeto de lei de concessão de incentivos fiscais à cultura e ao esporte.

Redano destacou que a propositura tem como objetivo fomentar o crescimento e maximizar o desenvolvimento da cultura local, simultaneamente ao esporte.

“É de conhecimento de todos que Rondônia é um verdadeiro caldeirão cultural, cuja composição se dá por elementos oriundos da época da exploração dos nossos seringais, paralela à construção da Ferrovia Madeira Mamoré”, frisou.

O parlamentar relatou que o Estado, outrora denominado Território Federal do Guaporé, contou com a presença da força operacional de vários locais do Brasil, inclusive de outras nações.

Ele citou que esta soma de conhecimento e dogmas de outros países foi mesclada através de anos, até que nos dias atuais é possível presenciar um novo modelo cultural, que segundo o deputado se encontra desfavorecido.

Alex Redano apontou ser preciso providenciar a promoção de acesso aos bens culturais do Estado, incentivar a formação de plateia e valorização das ações apresentadas no âmbito artístico.

“Tenho observado que em nosso Estado o esporte não é incentivado de forma eficaz, haja vista a existência de campeonatos e eventos esportivos, mas que por falta de apoio e fomentos estatais, se encontram em decadência”, ressaltou.

O parlamentar afirmou que, com a criação do projeto de lei, o Estado pode informar sobre as empresas e cooperativas já instaladas e que vierem se instalar, em implantação, em ampliação ou modernização, inseridas em atividades industriais, agroindustriais, industrial agroflorestal, florestal, extrativista vegetal e indústria turística, que a estes serão concedidos incentivos tributários na modalidade de financiamento direto ao contribuinte.


ALE/RO - DECOM - [Elaíne Maia]

Foto: José Hilde

registrado em: